terça-feira, 11 de agosto de 2009

Não espirre agora! Pergunte-me como.

Em tempos de atucanações infecto-contagiosas, onde percebe-se ser impossível manter-se alheio às alterações que a tal da gripe tem causado no dia-a-dia da sociedade, deixo aqui a minha singela porém oportuna contribuição:

Para evitar os constrangimentos e até discriminações advindas de um simples e inofensivo resfriado ou até mesmo uma simples irritação, eis o meu eficaz método para evitar espirros: morda levemente o lábio.

Li em algum lugar que a sensação de dor é transmitida ao cérebro numa velocidade maior do que a sensação ou estímulo que causa o espirro, confundindo a massa cinzenta. E o pior é que funciona mesmo, frequentemene utilizo esta estratégia no meu consultório ou quando estou em alguma reunião, missa e outros lugares onde o silêncio é imperativo. E ainda mais agora, ninguém irá me olhar desconfiado por causa de um espirro.

Não precisam me agradecer.
Related Posts with Thumbnails